Com tecnologia de ponta e florestas plantadas, o Brasil é um ótimo país para o sistema wood frame. Isso nada mais é do que construir casas de madeira de alta qualidade, resistentes e duradouras. Inclusive, essas vantagens vêm da estrutura da casa. No texto, conheça mais da etapa das paredes e dos pisos, que formam a estrutura das casas wood frame.

Ah, é importante saber que a gente tem mais um monte de etapas durante esse processo. Só que quando se fala em estrutura, as paredes e os pisos são os que mais atraem curiosos. Afinal, como é que uma casa de madeira pode ser resistente e duradoura? É isso que vamos descobrir a partir do próximo tópico. Acompanhe!

A estrutura da casa wood frame

Obviamente, a cada dia que passa uma nova tecnologia surge para atuar no uso da madeira na construção civil. Hoje, você vai ver sobre uma das técnicas que mais dá certo nos Estados Unidos e na Europa e que chega no Brasil com força.

Por isso, leve em conta que abaixo temos algo como um “exemplo” de como a estrutura pode ser montada pensando nos pisos e nas paredes. Curiosamente, geralmente, a madeira usada para esse tipo de construção é o pinus, que é mais leve e aceita o tratamento preservante.

A segunda curiosidade é que o Brasil tem hoje em dia uma grande área de florestas plantadas com pinus, o que faz com que a técnica de wood frame seja sustentável. E no tratamento da madeira, hoje, usa-se ativos como CCA (Cobre-Cromo-Arsênio) e CCB (Cobre-Cromo-Boro).

Então, agora, vamos às etapas!

A etapa dos pisos

Os pisos ficam nos pavimentos superiores das casas em wood frame. Assim, eles são usados como decks constituídos de chapas de OSB (Oriented Strand Board). Essas chapas ficam apoiadas em vigas de madeira com seções retangulares ou de madeira maciça ou laminados.

estrutura de uma casa em Wood Frame
Fonte: Google Imagens

A ideia da viga tem sido mais aceita porque é mais leve e eficiente, resistindo à flexão de pesos e acidentes. Assim, as ligações são coladas com resinas estruturais. E sobre o deck de madeira usa-se revestimentos de carpetes ou pisos engenheirados com manta para isolar o som.

Observe que a chapa de OSB acaba servindo como uma espécie de contra piso. Já nas áreas úmidas, também é possível as chapas cimentícias (impermeabilizadas com membranas acrílicas) coladas sobre o contra piso. Sobre elas coloca-se piso frio com argamassa.

A etapa das paredes

As paredes são compostas por painéis verticais de madeira. Elas ficam em consonância com os painéis de OSB. Assim, a ligação entre eles acontece por pregos específicos, metálicos e de fixação. Esses pregos têm que ser galvanizados para durar por mais tempo.

estrutura de uma casa em Wood Frame
Fonte: Google Imagens

Hoje em dia, também há a alternativa de usar grampos de fixação. Mas, no Brasil, os pregos são mais indicados – até mesmo porque a indústria tem a tecnologia que fornece esse produto.

E como a gente sabe, um dos diferenciais de usar madeira na construção civil está na flexibilidade. Aqui temos um exemplo: dá para pensar em projeto arquitetônico que minimize o uso de energia elétrica e ar-condicionado, pensando na ventilação e iluminação natural.

Seguindo com a etapa da parede, saiba que os pisos superiores devem ficar apoiados nelas, que vão na direção paralela às fibras e que estão sobre o pavimento inferior ou a fundação. Nesse ponto é importante observar que a rigidez das paredes permite resistência aos ventos.

Outro ponto bacana de estudar é que em alguns países, inclusive no Brasil, os painéis de wood frame são todos feitos na indústria. Depois são levados para o local da obra. E a estrutura desses painéis é superior à de alvenaria em peso, resistência, conforto térmico e acústico.

O transporte dos painéis e a montagem

Só para que a gente possa contextualizar tudo o que foi falado até aqui, saiba que praticamente todas as etapas das casas em wood frame, como paredes e pisos, acontecem na indústria. Depois, ela é transportada para a montagem oficial no local de obra.

O sistema wood frame no Brasil

O que se sabe é que hoje em dia, no Brasil, há várias empresas, empresários e engenheiros cada vez mais capacitados para atuarem com o wood frame na construção de casas. No Sul, por exemplo, tem parcerias para conseguir a matéria-prima.

Em outras partes, nós temos frentes de trabalho discutindo a divulgação desse sistema construtivo e a padronização, através de um acordo nacional. O resultado é uma construção com estruturas de madeira, que usa alta tecnologia e sustentabilidade a seu favor.

Por isso, como está descrito no trabalho acadêmico do Julio Cesar Molina e do Carlito Calil Junior, “é de fundamental importância a urgente conscientização e educação de engenheiros e arquitetos da necessidade e potencial da utilização desse sistema construtivo no Brasil para casas”.

Para quem quiser saber mais do tema e continuar estudando as tendências, saiba que em maio vai acontecer o My Wood Frame. Esse é um congresso online que vai acontecer durante 3 dias consecutivos e vai contar com palestras de especialistas sobre o wood frame e outros temas da construção civil. Você pode se inscrever pela internet, agora mesmo: https://mywoodhome.com.br/.